CDJA e VIJ-DF participam do XXIV Enapa

24 Jun 2019

Por: TJDFT
Foto: TJDFT

Várias questões ligadas à adoção de crianças e adolescentes estão sendo debatidas no XXIV Encontro Nacional dos Grupos de Apoio à Adoção (Enapa), que acontece de 20 a 22 de junho, em Blumenau-SC. A assistente social e secretária executiva Thaís Botelho e a pedagoga Vânia Maria Valadão, da Comissão Distrital Judiciária de Adoção (CDJA), e a psicóloga e supervisora substituta da Seção de Colocação em Família Substituta da Vara da Infância e da Juventude (VIJ-DF), Niva Campos, participam do evento. O Distrito Federal está representado também pelo Aconchego (Grupo de Apoio à Convivência Familiar e Comunitária).

O Enapa é promovido pela Associação Nacional de Grupos de Apoio à Adoção (Angaad) e neste ano está sendo realizado pelo Grupo de Estudos e Apoio à Adoção da Comarca de Blumenau-SC. O encontro é realizado todos os anos em diferentes cidades do território nacional com o intuito de promover o diálogo entre diversos profissionais e ONG’s envolvidos no processo de adoção. O objetivo é construir um ambiente em que os vários grupos de apoio à adoção do País possam trocar experiências relacionadas ao seu papel de conscientização da sociedade com relação à adoção. Desde 1996 conta com a presença de psicólogos, assistentes sociais, juízes, promotores e advogados, entre outros profissionais.

O tema central desta edição é “Construindo histórias, transformando vidas”. Entre as questões discutidas no XXIV Enapa estão os traumas e distúrbios decorrentes do abandono e superação pela confiança;os efeitos do rompimento de vínculos na vida de crianças e adolescentes e como o trabalho em rede pode interferir positivamente; visibilidade segura de crianças e adolescentes; preparo dos adolescentes – trilhas para autonomia; atitudes adotivas na sociedade. Neste sábado, último dia do evento, está prevista palestra com Marcos Piangers, autor do livro “O papai é pop”.

Durante o evento, Niva Campos promoveu sessão de autógrafos do seu recente livro “Adoção: A Ida para Casa – Desafios, Impactos e Fontes de Apoio”, publicado pela Juruá Editora e escrito a partir da sua experiência como psicóloga da VIJ-DF desde 1999. Ao longo da obra, Niva destrincha a diversidade de questões que podem surgir com a chegada dos filhos e se lança a enfrentá-las. Segundo a autora, o livro pode ser útil e relevante para auxiliar famílias adotantes, pessoas interessadas em adotar, integrantes de equipes interprofissionais da Justiça da Infância e da Juventude responsáveis pelos estudos e acompanhamento das ações de adoção, grupos de apoio à adoção, psicólogos clínicos, estudantes e pesquisadores da área de adoção. A obra está disponível no site da editora.