Corregedoria-Geral da Justiça do Estado do Rio Grande do Sul lança Projeto Feira dos Sonhos

15 Jul 2019

Por: TJRS
Foto: TJRS

O Projeto Feira de Sonhos, uma iniciativa da Corregedoria-Geral da Justiça do Estado do Rio Grande do Sul, compreende a publicação de um livro com textos e ilustrações, além de uma exposição de fotografias, todos de autoria de crianças e adolescentes em situação de acolhimento no Município de Porto Alegre.

As obras, que serão selecionadas por uma comissão avaliadora, serão publicadas no livro "Feira de Sonhos". As fotografias farão parte de uma exposição fotográfica no espaço do Memorial do Tribunal de Justiça junto à Feira do Livro de Porto Alegre.

O evento de lançamento do livro, com a exposição das fotografias e uma sessão de autógrafos, será realizado na 65ª Feira do Livro de Porto Alegre, na Praça da Alfândega, em novembro de 2019.

Por que participar? 

O Projeto Feira de Sonhos visa a oportunizar às crianças e adolescentes em situação de acolhimento uma experiência social e cultural enriquecedora, que possa ser marcante em suas vidas, de forma a incentivá-los à pratica da leitura, literatura e da produção artística.

Esperamos, com este estímulo, proporcionar aos participantes uma experiência de realização pessoal, de modo a fortalecer a sua autoestima, bem como disponibilizar-lhes um espaço de socialização para além da convivência na entidade de acolhimento, em um local público histórico da cidade.

Com a publicação do livro “Feira de Sonhos”, buscaremos conscientizar leitores e público em geral sobre a importância da adoção.

Como participar:  

O Projeto "Feira de Sonhos" compreende a publicação de um livro com textos e desenhos, bem como a exposição de fotografias, todos de autoria de crianças e adolescentes em situação de acolhimento no Município de Porto Alegre.

Tanto a redação, que compreenderá uma dissertação de até 30 linhas, quanto as ilustrações, deverão tratar de motivações e expectativas dos autores, os quais deverão expressar o seu sentimento, os seus anseios, receios, em especial as suas aspirações (sonhos) para o futuro, com o seguinte tema:

A vida é como um livro com muitas páginas em branco. Há páginas, contudo, que não são escritas por nós, como algumas que contam a história da nossa infância. Nessa fase da vida, em geral, não fazemos escolhas, sofremos os efeitos de decisões alheias. Resta-nos enfrentar uma realidade praticamente imposta. 
Essas páginas são importantes? Sim, mas há outras que são mais: as páginas em branco, que representam a história que queremos escrever sobre nós mesmos, o nosso futuro, as nossas escolhas, que serão fruto dos nossos sonhos. E essa história pode ser muito diferente daquela que já está escrita. 
Escreva ou desenhe sobre os seus sonhos, suas expectativas, seus receios, seus sentimentos diante do futuro. 
As páginas estão em branco. A caneta está em suas mãos; então, "à obra!"

As ilustrações poderão retratar, em forma de quadrinhos, ou não, uma pequena história com legendas. 
As fotografias, que deverão estar tituladas, poderão retratar qualquer imagem que expresse a sensibilidade do autor diante de uma cena, seja um lugar, seja um objeto, seja um momento especial ou até mesmo pessoas especiais.

Quem pode participar: 

Podem participar do projeto crianças e adolescentes em situação de acolhimento no Município de Porto Alegre.

Cada candidato poderá participar apenas de uma das seguintes categorias:

  • Redações: 14 aos 17 anos
  • Desenhos: 8 aos 14 anos
  • Fotografias: 12 aos 17 anos

Os participantes, a partir do envio da inscrição e do material, cederão, a título gratuito, exclusivo e definitivo, ao Poder Judiciário, os respectivos direitos autorais para usar, reproduzir e difundir publicamente sua obra e seu nome.

Avaliação dos Projetos: 

Como enviar o material

As instituições de acolhimento receberão o material do projeto pelo Correio: material para divulgação, fichas de inscrição, folhas de redação e de ilustração.

As fichas de inscrição deverão ser entregues juntamente com a obra enviada.

Os textos, juntamente com a ficha de inscrição, podem ser enviados para o e-mail assessoriacgj@tjrs.jus.br, em forma digital ou digitalizada (scanner), ou remetidos via Correio para a Corregedoria-Geral da Justiça.

As ilustrações devem ser enviadas somente na folha, por Correio, para a CGJ, situada no Palácio da Justiça, na Praça Marechal Deodoro, nº 55, 4º andar, sala 426, Centro Histórico, Porto Alegre - RS - CEP 90010-906.

Nas fotografias que forem produzidas por câmeras de smartphones, deve ser utilizada a configuração máxima disponível no aparelho (pixel). As fotos devem ser enviadas para o e-mail assessoriacgj@tjrs.jus.br.

 

Critérios de avaliação

Redação:

  1. pertinência temática e adequação à proposta apresentada;
  2. originalidade e criatividade;
  3. coesão, clareza e concisão.

Ilustração:

  1. pertinência temática e adequação à proposta apresentada;
  2. originalidade e criatividade.

Fotografia:

  1. composição da imagem;
  2. momento da foto;
  3. título da foto;
  4. criatividade e originalidade.

 

 

Cronograma

Lançamento do Projeto Feira de Sonhos – julho de 2019

Entrega do Material (textos, ilustrações e fotografias) – a partir da data de lançamento até o dia 16 de agosto de 2019

Período de Avaliação – de 16 de agosto até 15 de setembro de 2019

Lançamento do livro e exposição das fotos com sessão de autógrafos – data a ser definida durante a Feira do Livro 2019, que acontece de 1º a 17 de novembro.

* Datas sujeitas a alterações.